Procurando uma aventura? Ligue ou mande um WhatsApp!

Entrar em contato!

(42) 9 9166-6149

Uruguai: o “pequeno grande” país da América Latina

Uruguai: o “pequeno grande” país da América Latina

1620 1080 Cooptur Trips

Um pequeno país com apenas 3,5 milhões de habitantes, o Uruguai é frequentemente ignorado pelos viajantes. Se a República Oriental do Uruguai ainda não faz parte dos seus planos turísticos, você certamente está perdendo paisagens charmosas, praias limpíssimas, cidades arborizadas e uma população bastante convidativa.

Espremido entre a Argentina e o Brasil, a costa uruguaia possui 660 quilômetros e se estende ao longo do Oceano Atlântico e vai até a fronteira oeste do país, no Rio Uruguai. É um país considerado seguro e tem um governo progressista. É um lugar fácil para viajar, principalmente para brasileiros, que não precisam de passaporte e podem trafegar livremente pelas fronteiras.

A Cooptur Trips realiza de tempos em tempos um roteiro chamado Expedição Uruguai Total, que promove a experiência única de atravessar o pequeno país sul-americano, partindo do início da costa leste banhada pelo oceano Atlântico (próximo ao extremo sul do Rio Grande de Sul), atravessando as principais cidades uruguaias (como Rocha, Punta Del Este, Ciudad de la Costa e, claro, Montevidéu) e chegando até a fronteira oeste, no Rio Uruguai.

No post a seguir, você vai conhecer mais sobre alguns pontos do Uruguai que queremos mostrar a você nas expedições que organizamos para atravessar o país nº 1 em qualidade de vida e desenvolvimento humano da América Latina de costa a costa.

Confira!

Fuerte de Santa Teresa

Localizada na atual cidade de Castillos, Departamento de Rocha, o Fuerte de Santa Teresa é uma fortaleza imponente construída no Século 18 no estilo Vauban. A impressionante estrutura tem um formato pentagonal irregular com bastiões lanceolados nas pontas, que guardavam as edificações militares que pertenciam à Espanha até 1821, para posteriormente serem anexadas pelo Império do Brasil e, finalmente, tomadas por forças uruguaias em 1928.

Punta del Diablo

Não se assuste com o nome: Punta del Diablo é um verdadeiro paraíso. A apenas 45 minutos da fronteira com o Brasil, esta antiga vila de pescadores é hoje um dos destinos mais procurados do Uruguai. Não é grande e chamativa como Punta del Este e é justamente isso que atrai as pessoas para cá.

Esse é um dos pontos iniciais da Expedição Uruguai Total. Viajando de carro, é possível conhecer melhor as cidades do trajeto. Considere experimentar a culinária local, especialmente regiões menores com um toque mais típico.

De lá, é possível seguir pela costa por Valizas ou um pouco mais por dentro, passando por Rocha, até chegar a Punta Del Este, a joia da coroa uruguaia.

Cabo Polonio

Ainda no Departamento de Rocha, o Cabo Polonio é um povoado composto por três pequenas ilhas que possui uma paisagem singular, formada por dunas extensas ao redor da cidade e um balneário muito popular.

Apesar de ter uma população pequena, o Cabo Polonio possui uma estrutura turística que conta com restaurantes, pousadas e casas de temporada, recebendo principalmente jovens argentinos e uruguaios que vêm aproveitar a tranquilidade e as belas paisagens.

Punta Del Este

Punta del Este é o resort costeiro mais famoso do Uruguai, recebendo turistas de todo o mundo. É uma cidade grande e luxuosa, de frente para a costa do Atlântico. Conhecida como a “Saint Tropez da América do Sul”, Punta Del Este atrai visitantes de todas as idades: famílias, mochileiros solitários, casais em lua de mel, grupos de amigos e excursões.

Contanto que você queira relaxar e se divertir, sempre há algo para fazer em Punta Del Este. Praias incríveis, monumentos históricos e excelentes locais para fazer compras podem ser encontrados facilmente na cidade.

As duas principais praias de Punta Del Este são a Playa Brava, banhada pelo Atlântico, e a Playa Mansa, no Rio de La Plata — que ficam consideravelmente cheias durante o verão. Os moradores locais frequentam outras praias, especialmente La Barra de Maldonado, uma bela enseada que flui da área da baía de Maldonado para o Oceano Atlântico. Um dos marcos da cidade é uma escultura de pedra que brota da areia na Playa Brava.

Punta Del Este também tem lojas de renome mundial, com lojas uruguaias e boutiques europeias lado a lado na Calle Gorlero, a principal rua que corta este resort.

Além disso, é possível conhecer a rica herança histórica uruguaia em Punta, incluindo a catedral neo-clássica de San Fernando, datada de 1895, o Cuartel de Dragones, um quartel militar construído entre 1771 e 1797 e o Marco de los Reyes na Plaza Torre del Vigía, um marco de mármore branco e rosa que foi criado em Lisboa em 1753 e erigido para marcar a divisão entre as explorações espanhola e portuguesa na América do Sul, de acordo com o Tratado de Madrid de 1750.

Partindo de Punta Del Este, a expedição avança por cidades como Pan de Azúcar, Atlântida e Ciudad de la Costa até chegar em Montevidéu, a capital do Uruguai.

Montevidéu

A capital do Uruguai é uma cidade muito agradável, mesmo que metade da população uruguaia viva na cidade e em sua região metropolitana. De uma caminhada ao longo da Rambla e um dia na praia até um passeio turístico clássico pela cidade, há muito que ver e fazer em Montevidéu.

La Rambla é uma avenida que percorre toda a costa de Montevidéu e tem mais de 22 quilômetros ininterruptos separando a cidade do mar. É possível caminhar das partes suburbanas de Montevidéu para a cidade velha sem qualquer interrupção. Esta caminhada é uma maneira perfeita de fazer uma pausa na vida cotidiana para aproveitar o nascer ou o pôr do sol, além de ser um ótimo lugar para conversar com os moradores locais e aprender mais sobre sua cultura, pois é um ponto de encontro muito importante para os uruguaios.

Por falar em praia, Montevidéu tem muitas delas, seja ao longo da Rambla, na periferia ou perto da Cidade Velha. Além das praias, Montevidéu tem o segundo maior teatro da América do Sul, o Teatro Sólis; o Mercado Del Puerto, excelente local para experimentar a boa comida uruguaia e o mate.

Colônia do Sacramento

Saindo de Montevidéu e passando por Ciudad Del Plata e Juan Lacaze, chegamos a Colônia do Sacramento. Situada no Rio de la Plata, a pitoresca cidade é a mais antiga do Uruguai e foi fundada pelo então governador do Rio de Janeiro, Dom Manuel Lobo.

Foi encomendado pelo governante Pedro II de Portugal para defender o seu império. Desde 1995, Colonia del Sacramento foi listada como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. Os encantos da cidade são inúmeros, das grandes estruturas arquitetônicas do período imperial até os vinhedos — Colônia do Sacramento é parada obrigatória!

Partido de Colônia de Sacramento e passando por Los Cerros de San Juan chegamos à última parada da nossa expedição, Carmelo.

Uruguai

Carmelo

Conhecida como a Toscana uruguaia, Carmelo é famosa por suas vinícolas cultivadas, em grande parte por netos e bisnetos de imigrantes italianos. Ao visitar a cidade, realmente parece que estamos em alguma pequena vila europeia.

Além das experiências envolvendo vinho, Carmelo também conta com belas praias de rio com ondas calmas e limpas, passeios de barco no Rio de la Plata e diversas experiências culinária que você só encontra na cidade.

Por fim, o Uruguai Total termina com a vista do Rio Uruguai, ponto final de experiências incríveis em um país encantador!

Fique de olho em nossos roteiros de expedições acessando aqui que em breve pinta uma viagem ao Uruguai. Até mais!

Cooptur Trips

Cooptur Trips

Cooptur Trips é a divisão especializada em roteiros de lazer da Cooptur – Cooperativa Paranaense de Turismo, criada para oferecer aos clientes experiências diferenciadas em roteiros exclusivos.

Todos os posts por : Cooptur Trips